gabão

Shape

A República Gabonesa ou Gabão como é maioritariamente conhecido pelos comuns cidadãos, concentra mais de 2 milhões de habitantes, grande parte desta população carece de bens de primeira necessidade, o que faz aumentar o índice de pobreza e por consequência a desigualdade social.

 

Aqui produzem e exportam mais de 50% de madeira, manganês, mas é no petróleo que o país revê a economia, este produto representa mais de 80% do PIB.

 

O Gabão é um dos países mais caros do continente africano, para os residentes não é de todo fácil suportar as despesas comuns do dia-a-dia, o ordenado mínimo é de 300.000 CFA (457,00€) e a renda mensal de um apartamento fora do centro da cidade custa em média uns 600.000 CFA (900,00€), o que para um comum residente não é de todo exequível. Para os turistas cuja nacionalidade têm uma moeda valorizada no caso do Euro ou dos Dólares, o cenário é bastante idêntico, pois passear pela cidade ou até mesmo reservar uma mesa para 2 pessoas ronda em média os 80,00€.

 

Este país africano, não é de todo dos países com mais saída a nível do turismo, pelo menos até aos dias de hoje, porém na capital do país Libreville, há diversas atrações como parques naturais e cidades movimentadas com algumas cadeias de hotéis de luxo.

Regime de entrada e saída em Gabão

Os cidadãos portugueses precisam obter visto de entrada no Gabão antecipadamente. A Sofia Machado – Serviços Consulares e Administrativos, como agência credenciada junto do Gabão, apoia os requerentes de vistos a solicitar os seguintes vistos:

Vistos disponíveis:

  • Visto de Negócios
  • Visto de Turismo
Shape

Estamos aqui para o auxiliar com as suas questões

A capital é Libreville e é das cidades com mais movimento e projeção. Há ruas agitadas, parques ecológicos onde é possível observar gorilas, elefantes entre outros animais selvagens e praias desertas, o que será possível desfrutar de uns banhos de sol com maior privacidade.

Os roteiros mais cobiçados pelos turistas são:

  • Parque Nacional de Lopé
  • Parque Nacional Ivindo
  • Parque Nacional Pongara
  • Praia Du Dahu

O fuso horário no Gabão é: GMT+1

O clima no Gabão é equatorial húmido e as temperaturas médias anuais variam entre os 26ºC a 30ºC.

A língua oficial no Gabão é o Francês.

A moeda oficial no Gabão é o Franco.

O Gabão é um país relativamente seguro, mas como em qualquer viagem deve ter especial atenção aos seus objetos pessoais, e evitar andar com todos os documentos de identificação. Deve também evitar andar de transportes públicos durante a noite e não frequentar bairros problemáticos sem a companhia de algum residente, sendo turista é um grande alvo para furtos e burlas.

Tem a obrigatoriedade de administrar a vacina contra a febre-amarela e recomenda-se a toma de Cólera, Febre Tifóide, Hepatite A, Hepatite B, Meningocócica tetravalente e Raiva.

Aconselhamos o registo da sua chegada ao Gabão junto dos serviços consulares da Embaixada de Portugal ou em alternativa junto do Registo do Viajante, no site https://www.portaldascomunidades.mne.pt/pt/registo-do-viajante

Não existindo uma representação da embaixada portuguesa no Gabão, todos os assuntos diplomáticos deverão ser tratados em São Tomé.

Secção Consular da Embaixada de Portugal em São Tomé

Endereço: Av. Marginal 12 de Julho- C.P. 173, Rep. De S. Tomé e Príncipe

Tel.: +(239) 222 41 51

Fax: +(239) 222 36 02

Correio eletrónico: sconsular.stome@mne.pt

URL: https://www.saotome.embaixadaportugal.mne.pt/

Não existindo uma representação da embaixada do Gabão em Portugal, todos os assuntos diplomáticos deverão ser tratados em São Tomé.

Câmara de comércio e indústria Senegal e África Ocidental:

Endereço: Praceta Eduardo Rosa Mendes Nº10, 2005-174 Santarém

Correio eletrónico: info@ccips.pt

URL: http://ccips.pt/