Processo de Equivalência de Estudos

Para todos os emigrantes ou imigrantes que pretendam exercer a sua atividade profissional num país estrangeiro é necessário obter a equivalência de estudos junto das entidades competentes. Para os emigrantes, nós tratamos do reconhecimento de todos os certificados e diplomas junto do MNE e do consulado do país de acolhimento ou no apostilamento dos documentos. No caso de certificados do ensino superior, é necessário proceder à certificação dos mesmos junto da Direção Geral do Ensino Superior (DGES). Para os imigrantes tratamos de todas as burocracias relacionadas com a instrução, submissão e acompanhamento de pedido junto das entidades competentes em Portugal, para o reconhecimento dos seus estudos, garantindo assim a sua equivalência em Portugal. Este processo torna-se critico para as profissões que exigem a inscrição em ordens profissionais (médicos, enfermeiros, engenheiros, contabilistas, revisores oficiais de contas, arquitetos, entre outros).

Conte com os serviços profissionais da Sofia Machado Serviços Consulares e Administrativos para o processo de equivalência dos seus estudos ou certificação dos mesmos junto das entidades oficiais em Portugal.

Equivalência de Estudos