Visto de entrada para a República do Congo (Brazzaville)

Vai viajar em negócios ou lazer para o Congo Brazzaville e precisa obter um visto de entrada no país? Não desespere, a agência de vistos Sofia Machado é especialista no tratamento de vistos para o Congo Brazzaville.

Localizado no Continente Africano e banhado pelo Oceano Atlântico a República do Congo limita-se com a República Centro-Africana, Camarões, Gabão, Angola e República Democrática do Congo.

Brazzaville a capital é das cidades mais habitadas do país, conta com mais de 1.600.000 de residentes que exercem atividades laborais nas grandes indústrias de petróleo, azeite de palma e sobretudo madeira, exportam mais de 90% dos produtos para todo o mundo.

A República do Congo tem vindo a crescer no setor turístico devido às bonitas paisagens que apresenta, é visitado por muitos naturalistas e turistas que se queiram interligar com o meio ambiente, aqui há florestas tropicais com animais selvagens que vai poder observar através dos safaris, parque naturais com atividades em passeios de barco e muito mais para descobrir.

Pretende conhecer o Congo e descobrir que mais este país tem para oferecer? Conte connosco, a nossa empresa Sofia Machado – Serviços Consulares e Administrativos conta com uma equipa especialista, credível, de confiança, dedicada, extremamente profissional e formada para o ajudar a obter o visto de entrada de negócios ou turismo junto da Embaixada do Congo sediada em Portugal.

icon About

Planeie já a sua viagem, que nós tratamos da documentação necessária para a obtenção do seu visto de negócios ou turismo para a República do Congo Brazzaville.

Shape

FAQs

Sim, é obrigatório solicitar um visto de entrada para dar entrada na República do Congo.

Sim, precisa solicitar um visto de entrada de negócios para pode entrar no Congo Brazzaville.

Sim, o visto de entrada para a República do Congo Brazzaville permite a realização de atividades de lazer e de negócios.

Necessita de requerer um visto de entrada para o Congo Brazzaville todos os cidadãos que pretendam visitar a República do Congo em turismo ou negócios num curto espaço de tempo.

Para dar entrada do visto de entrada para o Congo Brazzaville, os passos são os seguintes:

  • Receção dos documentos
  • Reconhecimento dos documentos no MNE (Ministério dos Negócios Estrangeiros)
  • Reconhecimento dos documentos no Consulado
  • Pedido de Parecer junto do Ministério
  • Solicitação do visto de trabalho junto do Consulado Geral de Angola em Lisboa ou no Porto
  • Levantamento do passaporte com o visto emitido e estampado no mesmo.

Não, para realizar atividades remuneradas no Congo Brazzaville terá de solicitar um visto de trabalho.

A Sofia Machado Serviços Consulares e Administrativos oferece um serviço de tratamento de vistos completo, que contempla a disponibilização dos documentos exigidos para o visto de entrada para a República do Congo, análise dos documentos e preparação do processo de pedido de visto de negócios ou turismo para República do Congo, entrega da solicitação de visto de negócios junto dos serviços consulares da Embaixada da República do Congo Brazzaville em Portugal, recolha do passaporte com visto e entrega do mesmo ao cliente.

O visto de entrada para o Congo Brazzaville pode ser emitido com uma ou múltiplas entradas.

O pedido de visto de entrada é decidido junto do Consulado Honorário da República do Congo em Almada.

O visto de entrada para o Congo Brazzaville pode ser negado caso não cumpra com os requisitos exigidos pelas leis da imigração ou por falta de documentação.

Todas as taxas de visto de entrada para o Congo Brazzaville, uma vez pagas, não são reembolsáveis, independentemente do resultado do pedido de visto e da duração concedida.

Apesar de a Sofia Machado Serviços Consulares e Administrativos ter uma alta taxa de sucesso na obtenção de vistos, não consegue garantir com 100% de exatidão a emissão visto de entrada para a República do Congo Brazzaville. Essa decisão é sempre dos serviços de migração. Por esse motivo, a Sofia Machado Serviços Consulares e Administrativos irá cobrar 50% da taxa de serviços inicial por cada nova submissão.

Deve recorrer e confiar nos serviços da agência de vistos Sofia Machado Serviços Consulares, porque para além de ser uma agência de vistos especialista no tratamento de processos de visto de entrada para negócios ou turismo junto da Embaixada da República do Congo sediada em Portugal, conta com vários anos de experiência no tratamento de vistos. Garante assim que o pedido de visto de entrada é submetido sem incorreções.

Para iniciar o pedido de visto de entrada para o Congo Brazzaville precisa apresentar os seguintes documentos:

  • O original do passaporte com validade de 6 meses após a data da saída. O passaporte deve ter pelo menos duas páginas disponíveis (uma página para colar o visto, outra para carimbar no controle de passaportes na entrada e saída)
  • Duas fotografias, tipo passe, a cores (Caso não possua pode obtê-las junto do nosso escritório)
  • Fotocópia da primeira página de passaporte e cartão de cidadão
  • Certificado internacional de vacinas

Não, para obter visto de entrada para a República do Congo Brazzaville, o passaporte  tem de ser válido por um período mínimo de 6 meses.

Pode obter aqui o formulário para solicitar o visto de entrada para a República do Congo Brazzaville.

Para solicitar o visto de entrada para o Congo Brazzaville apenas o passaporte e as fotografias precisam ser originais.

Apesar de não ser obrigatório,  recomendamos que faça um seguro de viagem /saúde devido aos grandes custos das despesas médicas na República do Congo.

O visto de entrada para a República do Congo Brazzaville tem o custo de 100€.

O visto de entrada para a República do Congo Brazzaville demora 24h a ser emitido, contudo por norma conseguimos ter o visto no próprio dia.

O visto de entrada para o Congo Brazzaville é emitido com 90 dias de duração.