Visto de Trânsito para a Rússia

Visto de trânsito

Para solicitar o visto de trânsito para a Rússia deve apresentar os seguintes documentos:

  • O original do passaporte com validade de 6 meses após a data da saída. O passaporte deve ter pelo menos duas páginas disponíveis (uma página para colar o visto, outra para carimbar no controle de passaportes na entrada e saída)
  • Duas fotografias, tipo passe, a cores (Caso não possua pode obtê-las junto do nosso escritório)
  • Os bilhetes válidos de transporte de entrada e saída da Federação Russa ou comprovativo de compra dos mesmos no território da Federação Russa com a apresentação obrigatória do visto de entrada no estado vizinho cujo território vem a seguir no itinerário da viagem, ou o visto dos pais de destino final ou o passaporte do mesmo. Comprovativo de isenção de visto de entrada no país de destino, caso o cidadão estrangeiro tenha esse direito, em conformidade com os acordos existentes entre os dois países ou comprovativo dos bilhetes de comboio ou carta de chamada de empresa russa (no caso em que o objetivo é deixar um veículo no país para uma feira) ou declaração da empresa do requerente a explicar o motivo da viagem, no caso dos camionistas ou declaração do próprio (nos casos em que é uma viagem particular de automóvel)
  • Apólice do seguro de viagem obrigatório com cobertura de 30 mil euros de despesas médicas (Caso ainda não for detentor do seguro, nós temos acordos com a seguradora Fidelidade Seguros)

Está em viagem pela Europa Oriental ou pela Ásia e vai ter de passar pela Rússia? Será necessário solicitar o visto de trânsito para poder realizar a sua passagem pelo país. Conte com a nossa ajuda para o apoiar nesse processo.

A Rússia é um país extenso ocupa dois continentes o da Europa e Ásia os países fronteiriços são imensos fazendo parte a Noruega, Finlândia, Estónia, Letónia, Bielorrússia, Lituânia, Polónia, Ucrânia, Geórgia, Azerbaijão, Cazaquistão, China, Mongólia, Coreia do Norte, Estados Unidos da América, Alasca, Suécia e por fim Japão.

E por esta mesma razão, há imensos viajantes que necessitam de viajar para países próximos e durante a viagem fazer escala no território da Federação da Rússia, mas para que tal seja permitido será necessário adquirir um visto de trânsito.

Ficou confuso? Não se preocupe que a nossa empresa Sofia Machado Serviços Consulares a Administrativos ajuda-o a clarificar todas as suas dúvidas relativamente ao pedido de visto de trânsito para a Rússia.

São muitas as entidades e particulares que procuram empresas como a nossa, credível e de confiança para os apoiar em toda a tramitação de vistos de trânsito, contamos com uma equipa especialista, dedicada e extremamente profissional para o ajudar a obter os vistos de passagem pela Rússia junto do Centro de Vistos da Embaixada da Rússia, por isso planei já a sua viagem, que nós tratamos da documentação necessária para a obtenção do visto.

O Formulário do Visto para a Rússia deverá ser preenchido Online:


icon About

Não perca tempo com burocracias, consulte-nos já. Teremos todo o gosto em ajudar a clarificar todas as dúvidas que possam vir a surgir para o tratamento do seu visto de trânsito para a Rússia.

FAQs

O visto de trânsito para a Rússia é utilizado por cidadãos que necessitem de passar pela Federação Russa de forma a chegar a outro país, este não é preciso para estrangeiros que tenham escala num aeroporto, dado que não saem da área internacional.

Pode requerer o visto de trânsito para a Rússia todos os cidadãos que tencionem fazer escala na Rússia e posteriormente sair da zona aérea internacional no período de espera ou os cidadãos que irão transpor as fronteiras terrestres.

Não, o visto de trânsito para a Rússia não autoriza, para que possa passear por quase todo o território deve solicitar um visto de turismo ou de negócios.

Não, para uma assistência técnica deve consultar o visto de negócios para a Rússia.

O visto de trânsito para a Rússia não autoriza qualquer atividade remunerada.

O visto de trânsito para a Rússia deve ser requerido assim que a passagem estiver marcada.

Sim, é possível solicitar o visto de trânsito para a Rússia à distância. Basta solicitar o pedido de visto através do nosso site e enviar o seu passaporte e documentos para o nosso escritório.

A Sofia Machado Serviços Consulares e Administrativos oferece um serviço de tratamento de vistos completo, que contempla a disponibilização dos documentos exigidos para o visto de trânsito para a Rússia, análise dos documentos e preparação do processo de pedido de visto de trânsito russo, entrega da solicitação de visto para trânsito na Rússia junto do Centro de Vistos da Rússia em Lisboa, recolha do passaporte com visto e entrega do mesmo ao cliente. Se não quer perder tempo em filas e deslocações desnecessárias, contate-nos.

O pedido de visto de trânsito para a Rússia é decidido pelo Serviço de Migração Federal.

O visto de trânsito russo pode ser recusado no caso de o requerente não apresentar os documentos necessários, existam divergências nas datas de entrada e saída da Rússia ou os serviços consulares russos concluírem que não se encontram reunidas as condições para a sua aprovação.

Quando o visto de trânsito para a Rússia é recusado é enviada uma carta com o motivo da rejeição ou é comunicado verbalmente o motivo da recusa. Se optar por solicitar um novo visto de trânsito deve apresentar um novo pedido, pagar novamente os emolumentos, agenda uma nova entrevista e informar as entidades competentes sobre os documentos alterados desde o último pedido.

Quando o visto de trânsito para a Rússia é recusado o pagamento dos emolumentos consulares pela emissão de vistos não é devolvido.

Apesar de a Sofia Machado Serviços Consulares e Administrativos ter uma alta taxa de sucesso na obtenção de vistos, não consegue garantir com 100% de exatidão a emissão visto de trânsito para a Rússia. Essa decisão é sempre dos serviços de migração. Por esse motivo, a Sofia Machado Serviços Consulares e Administrativos irá cobrar 50% da taxa de serviços inicial por cada nova submissão.

Deve recorrer e confiar nos serviços da agência de vistos Sofia Machado Serviços Consulares, porque para além de ser uma agência de vistos especialista no tratamento de processos de visto de trânsito para a Rússia junto do Centro de Vistos da Rússia em Lisboa, conta com vários anos de experiência no tratamento de vistos. Garante assim que o pedido de visto de trânsito para a Rússia é submetido sem incorreções. Se não quer perder tempo em filas e deslocações desnecessárias, contate-nos.

O Formulário do Visto de Trânsito para a Rússia deve ser preenchido online, no entanto pode contactar-nos e preenchemos tudo por si!- Formulário Online

Para o pedido de visto de trânsito para a Rússia o passaporte deve estar válido por um período mínimo de 6 meses.

Sim, durante o período de análise à solicitação do visto de trânsito para a Rússia, o passaporte do requerente fica retido nos serviços consulares da Embaixada da Federação Russa para que a vinheta do visto de trânsito possa ser estampada no passaporte.

Para que os familiares o possam acompanhar devem também requer um visto de trânsito.

O visto de trânsito para a Rússia tem o custo de (emolumentos consulares):

  • Taxa Normal: 65,00€
  • Taxa de emergência: 130,00€
A estes valores acrescem as taxas de serviço da Sofia Machado. Contacte-nos para mais informações!

O visto de trânsito para a Rússia é emitido em 4 a 20 dias (normal) ou em 1 a 3 dias (urgente).

O visto de trânsito russo permite uma estadia máxima no país de:

  • 10 dias (entrada por via rodoviária ou férrea)
  • 3 dias (entrada por via aérea)

O visto de trânsito para a Rússia, pode ter uma ou duas entradas.

O visto de trânsito para a Rússia, pode ter uma duração máxima de um mês, para o caso dos vistos de dupla entrada.

Não. Os Serviços de Migração Federal russos não permitem a emissão de vistos de trânsito com validade superior a um mês. Para tal deverá solicitar um novo visto de trânsito junto dos serviços consulares da Federação da Rússia no país de destino.

Não, o visto de trânsito para a Rússia não pode ser renovado.

Poder pode, não aconselhamos, mas se for um motivo inadiável, aconselhamos a contatar o Serviço de Migração Federal.

Se não encontrou aqui a resposta à sua questão, não se preocupe! Contacte-nos, os nossos consultores de migração irão ajudar a esclarecer as suas dúvidas!